terça-feira, 3 de julho de 2012

Haute Couture para laicos

Posso afirmar que até ao momento ainda não vi o meu vestido de sonho - se é que tenho algum, mas acho que sim, todas temos, não?  Já vi conjuntos e colecções extremamente belas. Mas não aquela peça que me fizesse soltar um «Uau!». 

Até ao momento, Dior e Chanel são as minhas escolhas. (Se já o eram, agora ainda mais o são). 
Em Dior gosto do regresso às origens. Gosto do toque Mad Men. Aprecio a valorização das silhuetas, é algo que acho extremamente feminino. Amo o corte a direito das calças meio masculinas. E os vestidos são magníficos. 

Em Chanel, o regresso às origens é outra das coisas que valorizo. Os padrões e a escolha dos tecidos é clássica, é Chanel. Os fatos, de saia e casaco, a imagem de marca desta casa, continuam extremamente bem representados. Cortes limpos, femininos e vintage.

Quanto ao tal vestido de sonho - que ainda não encontrei -, deixo o que mais perto de me satisfazer vi. Pertence à colecção da Dior


Sem comentários:

Enviar um comentário