quarta-feira, 4 de julho de 2012

E o «wow» saiu

Não é por ser o meu vestido de sonho, é mais pela pinta. A colecção está inspirada num conceito de magia,  mistério e ilusão. Nos loucos anos 20. Não é algo que eu goste à primeira vista, nem é algo que me encante no geral. Não gosto de magia, confesso. Mas no meio de uma colecção ligeiramente "estranha" para mim, ver algo como o que se segue, fez-me soltar um enorme "wooow". 

É luxuoso sem ser exagerado. É deslumbrante sem ser exuberante. É usual, sensual e completamente charmoso. É Jean Paul Gaultier.



Sem comentários:

Enviar um comentário